Feliz aniversário, Chico Buarque!

Por Vívian Rio Stella

Conheci as músicas do Chico Buarque por influência da minha mãe. As músicas dele marcaram muitos momentos da história dela sem e com meu pai. Lembro-me desses LPs que minha mãe guarda até hoje. Esse já poderia ser um motivo emocional e tanto para apreciar suas músicas.

Captura de tela 2014-06-19 12.00.37Captura de tela 2014-06-19 12.00.45

Para reforçar, comecei minha carreira como professora dando aulas de gramática em cursos pré-vestibulares. Os materiais das aulas de português, claro, são recheados de músicas dele: ou porque uma letra foi composta com palavras oxítonas ou proparoxítonas em cada fim de verso; ou porque há ambiguidades intencionais impressionantes, para que a ditadura não censurasse a música.

E para coroar meu apreço pelas músicas do Chico, fui crescendo e sentindo muitas das emoções que ele cantou lindamente ou entendendo muitas das críticas que ele fez, aberta ou veladamente, em suas canções.

Além das músicas, ainda tem os livros. Embora muitos critiquem sua produção literária, as vendas no mundo todo são bem expressivas. Entre seus livros, Budapeste me marcou bastante.

Captura de tela 2014-06-19 12.02.26

Faço, então, o convite para que você, leitor, aproveite os 70 anos desse artista impressionante e ouça suas músicas, conheça sua história, leia seus livros. Chico deixará, sem dúvida, uma grande marca em sua vida. Os links abaixo são um bom aperitivo.

As des canções fundamentais de Chico Buarque

Por que todas amam Chico

70 curiosidades sobre Chico Buarque

Especial Chico Buarque no Estadão

admin

About Vivian Rio Stella

Sócia-fundadora da VRS Cursos, Palestras e Coaching. Doutora em Linguística pela Unicamp, atua como professora e coach em diversas instituições de ensino e empresas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>